Fotos da minha vida...

quarta-feira, junho 26, 2013

Um dia desses o fofo me mandou esse texto, que eu recomendo muuuito a leitura. Texto interessante que nos faz pensar...

'Não faz sentido, pra que que a pessoa quer gravar as coisas
que não são da vida dela e as coisas que são, não?'

______________________________________________________________________________

Recordação


"Hoje a gente ia fazer 25 anos de casado", ele disse, me olhando pelo retrovisor. Fiquei sem reação: tinha pegado o táxi na Nove de Julho, o trânsito estava ruim, levamos meia hora para percorrer a Faria Lima e chegar à rua dos Pinheiros, tudo no mais asséptico silêncio, aí, então, ele me encara pelo espelhinho e, como se fosse a continuação de uma longa conversa, solta essa: "Hoje a gente ia fazer 25 anos de casado".

Meu espanto, contudo, não durou muito, pois ele logo emendou: "Nunca vou esquecer: 1º de junho de 1988. A gente se conheceu num barzinho, lá em Santos, e dali pra frente nunca ficou um dia sem se falar! Até que cinco anos atrás... Fazer o que, né? Se Deus quis assim..."

Houve um breve silêncio, enquanto ultrapassávamos um caminhão de lixo e consegui encaixar um "Sinto muito". "Obrigado. No começo foi complicado, agora tô me acostumando. Mas sabe que que é mais difícil? Não ter foto dela." "Cê não tem nenhuma?" "Não, tenho foto, sim, eu até fiz um álbum, mas não tem foto dela fazendo as coisas dela, entendeu? Que nem: tem ela no casamento da nossa mais velha, toda arrumada. Mas ela não era daquele jeito, com penteado, com vestido. Sabe o jeito que eu mais lembro dela? De avental. Só que toda vez que tinha almoço lá em casa, festa e alguém aparecia com uma câmera na cozinha, ela tirava correndo o avental, ia arrumar o cabelo, até ficar de um jeito que não era ela. Tenho pensado muito nisso aí, das fotos, falo com os passageiros e tal e descobri que é assim, é do ser humano, mesmo. A pessoa, olha só, a pessoa trabalha todo dia numa firma, vamos dizer, todo dia ela vai lá e nunca tira uma foto da portaria, do bebedor, do banheiro, desses lugares que ela fica o tempo inteiro. Aí, num fim de semana ela vai pra uma praia qualquer, leva a câmera, o celular e tchuf, tchuf, tchuf. Não faz sentido, pra que que a pessoa quer gravar as coisas que não são da vida dela e as coisas que são, não? Tá acompanhando? Não tenho uma foto da minha esposa no sofá, assistindo novela, mas tem uma dela no jet ski do meu cunhado, lá na Guarapiranga. Entro aqui na Joaquim?" "Isso."

"Ano passado me deu uma agonia, uma saudade, peguei o álbum, só tinha aqueles retratos de casório, de viagem, do jet ski, sabe o que eu fiz? Fui pra Santos. Sei lá, quis voltar naquele bar." "E aí?!" "Aí que o bar tinha fechado em 94, mas o proprietário, um senhor de idade, ainda morava no imóvel. Eu expliquei a minha história, ele falou: Entra'. Foi lá num armário, trouxe uma caixa de sapatos e disse: É tudo foto do bar, pode escolher uma, leva de recordação'."

Paramos num farol. Ele tirou a carteira do bolso, pegou a foto e me deu: umas 50 pessoas pelas mesas, mais umas tantas no balcão. "Olha a data aí no cantinho, embaixo." "1º de junho de 1988?" "Pois é. Quando eu peguei essa foto e vi a data, nem acreditei, corri o olho pelas mesas, vendo se achava nós aí no meio, mas não. Todo dia eu olho essa foto e fico danado, pensando: será que a gente ainda vai chegar ou será que a gente já foi embora? Vou morrer com essa dúvida. De qualquer forma, taí o testemunho: foi nesse lugar, nesse dia, tá fazendo 25 anos, hoje. Ali do lado da banca, tá bom pra você?"

Esse texto foi publicado na no site da folha por @antonioprata.

___________________________________________________________________________

Depois de ler o texto, fiquei pensando, que apesar de boa parte das minhas fotos serem tiradas em momentos posados e sorrisos, eu tenho muitaaa foto tirada da minha vida mesmo, coisas do meu cotidiano. E então resolvi compartilhar com vocês alguns desses momentos! Momentos que eu sempre lembrarei...

Semana passada, minha irmã com nariz de palhaça (vindo dos protestos), brincando na minha foto!

Hoje, acordei e meu café da manhã estava no microondas... o fofo é muito fofo!

Me preparando pra trabalhar... E Diana chega logo, porque ela adora canetinhas coloridas!

Mainha sempre passa lá em casa depois da missa de domingo, acordando a gente pra tomar café!

Dionísio tomando conta do soninho da sua mãe! 

O fofo que já acorda com a câmera na mão tirando foto da remelenta!! haha

Monstrinhos da roupa suja! rsrs

Mãozinha gorduchinha de Pedrinho, meu irmão caçula!

A vista da minha sala, sempre que estou assistindo minhas séries!

 Meu irmão de 9 anos, aprontando sempre! rsrs

Uma caixa de bobeira que se transforma na melhor caminha de todas! rs

O fofo, que já acorda fofo! 


E tah bom que a postagem já está gigante neh?

Só desejo a você que sua vida tenha sempre bons momentos, por mais simples que eles sejam. E que mesmo que esses momentos bons e simples não sejam fotografados... Que eles jamais saiam da sua memória e do seu coração! Um lindo diaaaaaa...

Cali 

You Might Also Like

11 Comentários

  1. Calíope este post e pareceu tão familiar li com atenção, sabe que eu moro perto do Guarapiranga e todos os lugares do texto tb não são longe, eu ja trabalhei neles rsrs.

    A minha filha mais velha sempre quer excluir as fotos feias eu deixo pq elas fazem parte da minha história eu tenho foto até de máscara facial e fazendo as unhas do marido acredite se quiser rsrs.

    Amei suas fotos e vc não esta remelenta é linda como sempre sem babação é de verdade e quantos irmãos vc tem que família grande rsrs.


    Bjs

    Gélila

    ResponderExcluir
  2. Vc não faz idéia do quanto chorei ao ler esse post, vc é divina mesmo.., e lindas as fotos, aliás vc está linda de remelenta..kkk, quem me dera acordar assim..
    E fiquei muito emocionada com uma celebridade passeando no meu blog, morri..... rsrs Adooro vc sabia, a vida é assim mesmo louca demais, as vezes a gente se apaixona por pessoas mesmo sem nunca ter falado ou as visto pessoalmente, e vc é uma delas.. Desejo uma chuva de bençãos na sua vida, do fofo e dos gatinhos, vou postar uma fotinha da minha lindona.. Bjos e obrigada...

    ResponderExcluir
  3. Texto lindo, Calíope! Já venho tentando estimular o hábito de fotografar coisas do dia a dia há algum tempo e esse texto é um belo incentivo a fotografar o nosso cotidiano! Beijos :*

    ResponderExcluir
  4. Esse texto é tudo!!
    Li no dia dos namorados!!
    Belíssimas fotos, não sabia que vc tinha um irmao pequeno, um fofo!!

    Beijosss

    ResponderExcluir
  5. Ahhh que lindo Cali.
    Muito emocionante mesmo.
    Acho que temos cultivar o amor em todos os momentos.
    Muito amor em sua vida.
    Beijos e um forte abraço!
    Andreza Canela Castela

    ResponderExcluir
  6. Ha Calíope,como eu odeio fotos....Meu pai,quando eramos pequenos,trazia um Fotografo profissional para tirar fotos da gente,eu odiava...Odiava porque tinha que largar tudo,os brinquedos e ficar horas ali fazendo pose.
    A vida toda eram fotos pra cá e pra lá,eu não sei em que ponto estressei com fotos.
    Um dia desses ai,eu olhei e só vi fotos minhas de casamento ou alguma que eu não rasguei por gostar,marido tira escondido,me deu uma dó da minha Maitezinha não ter fotos minhas normais e despreparadas....Dai peguei minha máquina e tirei várias,umas boas outras nem tanto e coloquei no album pra ela....Só pra ela....rsrsrsrs.
    Eu te acho uma linda,unindo o teu rosto e a tua forma de contar as coisas,fica um ser humano lindo viu?
    Perdão se naõ apareço sempre,na verdade eu posto mais que visito...Muito mais.
    Bjs
    Deusa
    vasinhos coloridos

    ResponderExcluir
  7. Esses pequenos momentos são delíciosos...nem tudo que gosto e que acontece de gostoso na minha vida eu tiro ou me lembro de tirar fotos... que bom q vc esta compartilhando conosco!!!!

    bjos

    ResponderExcluir
  8. ownt! amei... Eu amo escrever, entao o meu jeito de salvar as coisas na memória é marcar tdinho no diário... cada dia! :)

    ResponderExcluir
  9. Ai...me emocionei ao ler esse texto.
    Chegar em casa, vou tirar uma foto "normal" com meu marido fofo, rsr
    Estamos fazendo nosso album de fotos em preto e branco...é legal.
    Obrigada por me fazer pensar e lembrar dos momentos mais simples da nossa vida.
    Tenha um ótimo final de semana, beijus

    ResponderExcluir
  10. Muito legal o texto e ótima a sua versão do seu cotidiano! Adoro gente que sabe valorizar o dia a dia!!!!

    Bjs

    ResponderExcluir

Comenta pra mim, vai... só um comentariozinho!!! ^^

Subscribe